Real Cores

O prefeito de Caldas Novas Evandro Magal tem seu mandato cassado pelo TRE-GO


O Tribunal Regional Eleitoral de Goiás manteve, por unanimidade de votos, a cassação dos diplomas de Evando Magal (PP), prefeito de Caldas Novas, e de seu vice, Fernando de Oliveira Resende. Eles respondem por abuso de autoridade, de poder político e de meios de comunicação social.
Conforme relatado na ação, apresentada pelo promotor Rafael Machado de Oliveira em setembro de 2016, entre os meses de janeiro e agosto de 2016, um jornal local publicou diversas notícias da prefeitura de Caldas Novas evidenciando a figura e as ações do prefeito Evando Magal. Nesse período, o réu concorria à reeleição.
Segundo o promotor, grande parte dessas notícias eram reprodução do conteúdo publicado no portal da prefeitura e no perfil do Facebook do próprio prefeito. Algumas delas, inclusive, foram produzidas pela Secretaria de Comunicação do município em período vedado e publicadas no perfil de Evandro, sendo reproduzidas pelo jornal.
Para realizar a chamada publicidade institucional, o jornal teria recebido R$ 67.500,00 somente no primeiro semestre de 2016. No entanto, de acordo com outros anunciantes, o valor pago por um anúncio de página inteira seria de R$ 2.800,00, ou seja, valor destoante do pago pelo município de Caldas Novas por três anúncios em menor tamanho.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.