Real Cores

GOIÁS: Porque o estado sempre teima em negligencia sua população, justamente aqueles que os elegeram?

Goiás desativa Caminhão de serviço móvel que fazia atendimento de mulheres usuárias do IPASGO e do SUS no interior do estado



A Clínica Móvel de Saúde da Mulher, do Instituto de Assistência dos Servidores Públicos do Estado de Goiás (Ipasgo), um caminhão que percorria semanalmente as cidades goianas para dar atendimento às mulheres, encerrou suas atividades.
A decisão de não renovar o contrato com a empresa que alugava o caminhão ao Instituto foi tomada no último dia 30/11. Ao total, em dois anos e seis meses de atendimento, mais de 43 mil mulheres usuárias do Ipasgo ou do Sistema Único de Saúde (SUS) foram atendidas em 73 cidades.
Em média, segundo dados da Diretoria de Saúde, 2,5 mulheres tiveram constatação de algum problema de saúde, através de exames feitos. Eram feitos laudos através de exames de Mamografia, Ultrassom e Papanicolau. Pelo menos quatro cidades deixarão de ser atendidas nesse ano: Piranhas, Alvorada do Norte, Posse, além de Minaçu.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.