Real Cores

Juiz que apreendeu passaporte de Lula foi acusado de obstruir investigações para salvar tucanos na Zelotes


Decisão foi tomada por Ricardo Leite, da 10ª Vara Federal, no processo que apura suposto tráfico de influência de Lula na compra de caças suecos. G1 busca contato com ex-presidente.

O juiz Ricardo Leite, da 10ª Vara da Justiça Federal do Distrito Federal, determinou nesta quinta-feira (25) a apreensão do passaporte do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o proibindo de deixar o país.

A decisão judicial está sob sigilo, mas a Polícia Federal confirmou no início da noite que já recebeu a ordem de apreensão.

A determinação não tem relação direta com a condenação de Lula pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) e foi tomada no âmbito do processo que apura suposto tráfica de influência de Lula na compra, pela Força Aérea Brasilia (FAB), de caças suecos.

O G1 buscava contato com a assessoria do ex-presidente até a última atualização desta reportagem.

(…)

Em dezembro de 2016, Lula se tornou réu no processo. De acordo com o Ministério Público, os crimes teriam sido praticados entre 2013 e 2015, quando Lula, como ex-presidente, teria participado de um esquema para beneficiar empresas junto ao governo Dilma Rousseff.

O Juiz Ricardo Leite, conhecido por fazer o mesmo contra Lula que Moro faz, foi acusado pelo MPF de obstruir investigações na Operação Zelotes, que investiga sonegação de empresas, a informação está na Folha de São Paulo.


Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.