Real Cores

‘Nenhum dos dois tem chance’, diz Alckmin sobre Lula e Bolsonaro

Resultado de imagem para foto alckmin

Pré-candidato do PSDB à Presidência da República, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, declarou nesta terça-feira que os dois líderes das pesquisas eleitorais, o ex-presidente Lula (PT) e o deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ), “não têm chances” na disputa pelo Palácio do Planalto. Para Alckmin, as pesquisas refletem o passado e os números tendem a mudar no decorrer da campanha, que começa em agosto.
“Eu acho que nenhum dos dois tem chance. Na verdade, esses extremos, é um olhar para trás, é o que se chama de ‘recall’. Você está olhando para trás. Os argumentos da eleição serão colocados ao longo da eleição. 
A campanha só começa em agosto. [No momento] é mais um olhar para o passado. Acho que vamos ter um resultado bem diferente. Se a gente for verificar as ultimas eleições, as decisões foram no finalzinho, a população ouve, compara, avalia, para depois decidir o voto”, disse o tucano.
Conforme a mais recente pesquisa do Datafolha, divulgada em dezembro, as intenções de voto em Alckmin variam de 6% a 12% em sete cenários. O mesmo levantamento aponta intenções de voto em Lula entre 34% e 37% e, em Bolsonaro, entre 17% e 22%.

4 comentários:

  1. No meu entendimento, ninguém tem chance, exceto BOLSONARO!! Por que o sr. não renuncia? Pra que gastar ainda mais o dinheiro do povo?

    ResponderExcluir
  2. Esse governador deve ser ator de standup... so pode.... kkkkk

    ResponderExcluir
  3. Quem tem chance é meus zovo!

    Bolsonaro tem chance de ficar sem mandato!

    Aí vai ser o problema. Aguentar esse mala percorrendo o Brasil insuflando os idólatras.

    ResponderExcluir
  4. ALCKMIM está pagando um salário mínimo para funcionário da educação e, ainda, vem com esse de que nenhum dos dois tem chace. Parece-me que ele é piadista.

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.