Real Cores

Pai da estudante, que teve corpo queimado por outra mulher, se diz indignado.



Pai da estudante Beatriz Carneiro de Araújo, de 20 anos, que teve o corpo queimado por outra mulher quando entrava em seu carro após comprar pão, conta que a família está consternada com o crime, que ocorreu em São Luís de Montes Belos, a 120 km de Goiânia. Dono de uma faculdade particular na cidade, Carlos Araújo, de 49 anos, disse que a agressão ocorreu sem motivo.
“Foi do nada. Poderia ter sido com qualquer um. Que eu saiba, a Beatriz não tem rixa com ninguém, é uma menina reservada, nunca teve desavença nenhuma. Estamos todos arrasados. Não conheço essa pessoa, mas vamos acompanhar o caso e queremos justiça”, afirmou.
Segundo o pai, a estudante está sendo transferida para o Hospital de Queimaduras de Anápolis. Após sofrer as queimaduras, a jovem foi socorrida e levada para um hospital particular de São Luís de Montes Belos, onde tinha quadro estável e estava, por precaução, na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.