Real Cores

Posto é interditado por vender gasolina adulterada em Goiânia



A Polícia Civil prendeu na sexta-feira (23/3) o proprietário de um posto de combustíveis localizado no Jardim Guanabara, em Goiânia. No local era comercializada gasolina adulterada. O flagrante aconteceu durante uma fiscalização de rotina, realizada pela Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Contra o Consumidor (Decon), em parceria com o Procon Goiás.

Segundo o delegado Frederico Maciel, a fiscalização constatou que a gasolina comum comercializada no posto Bonzão continha mais etanol do que o limite previsto em lei. “Nossa lei prevê que haja mistura de etanol na gasolina comum. Esse limite é de 27%, com tolerância de até 8%. No caso desse posto, a análise laboratorial constatou que tinha 35% de etanol na gasolina, causando prejuízo ao consumidor”, explicou.

O proprietário do posto já foi liberado durante o fim de semana após pagar fiança. No entanto, responderá pelo crime contra relação de consumo, cuja pena pode chegar a cinco anos de prisão.

Já o posto de combustíveis, localizado no Jardim Guanabara, foi interditado e só pode voltar a funcionar após cumprimento de exigências legais. Conforme explicou o delegado Frederico ao jornalA Redação, o combustível adulterado deve ser totalmente descartado. Após aquisição de nova gasolina, o conteúdo passará por uma avaliação antes de ser liberada a venda.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.