Real Cores

Prefeitura de Goiânia não paga UTIs





O Ministério Público denuncia que a Prefeitura de Goiânia não está pagando o complemento para UTIs conveniadas com o SUS. O valor que o SUS paga é muito pequeno e desestimula os donos de hospitais a fornecerem UTIs ao sistema.

O ex-prefeito Paulo Garcia criou essa complementação para que as UTIs pudessem servir ao SUS. O atual prefeito, Iris Rezende, decidiu cortar esse complemento e com isso os hospitais particulares estão fazendo contenção de UTIs aumentando o tamanho da fila de espera por vagas, ou seja, para economizar, a prefeitura coloca em risco a vida de mais pessoas. Economizar na saúde é investir na morte de cidadãos.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.