Real Cores

Projeto de Lei propõe criação de carteira de vacinação eletrônica.




Um projeto de lei que determina a criação da versão eletrônica da carteira de vacinação foi apresentado, nesta quarta-feira (14), na Câmara Municipal de Goiânia. De acordo com a proposta, apresentada pelo vereador Gustavo Cruvinel (PV), seria possível acompanhar a aplicação das vacinas por meio da Internet, desde o nascimento.

A carteira de vacinação é documento obrigatório para garantir o acesso de trabalhadores a benefícios sociais e para ingresso e permanência de crianças e adolescentes nas escolas. Segundo o vereador, a medida facilitará a vida dos cidadãos, que muitas vezes perdem o cartão de vacinas e acabam se imunizando várias vezes da mesma enfermidade. A carteira eletrônica, portanto, reduzirá os gastos públicos com vacinação indevida.

Gustavo disse ainda que o novo sistema de informática da Prefeitura de Goiânia, adquirido por R$ 4,2 milhões, tem capacidade para manter a carteira, mas para isso é preciso um ajuste. “A secretaria de Saúde está remodelando todo o seu sistema, visando diminuir os problemas enfrentados, especialmente na emissão de autorizações e procedimentos. Seria apenas mais um item, beneficiando o controle tanto da secretaria como do cidadão”, explicou o vereador.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.