Real Cores

Motorista do transporte escolar que se envolveu em acidente é atuado após ser pego no bafômetro.


O motorista do transporte escolar que se envolveu em um acidente na manhã desta segunda-feira (7) na GO-080, deixando uma pessoa morta e cinco feridas, foi autuado pela Polícia Civil de Nerópolis por homicídio doloso, por dolo eventual, ou seja, teve a intenção de matar a partir do momento que assumiu o risco. Ele foi autuado porque foi pego no teste do bafômetro com o teor alcoólico de 0,21mg/l.

De acordo com a Delegada da cidade Auzuen Magda, a quantidade não é o necessário para que ele seja preso, que é 0,34mg/l, mas por ele ter ingerido bebida alcoólica, isso pode ter alterado a capacidade motora, assumindo o risco do acidente.

A delegada conta ainda que, segundo a PM, houve um acidente anteriormente e que a sinalização de interdição da via realmente foi prejudicada, mas no local possui muitas pedras de concretos, o que poderia indicar que o trecho estaria em obras. Além disso, ela fala que a alguns quilômetros antes do local do acidente, há muitas placas informando que a via está interditada.

“A Polícia Civil trabalha com a possibilidade de que o motorista tenha dirigido com sonolência ou cochilado, mas vamos aguardar a conclusão da perícia para que o caso seja concluído”, conta Auzen.

O motorista confessou para a delegada que bebeu até às 19h de domingo e que o ônibus apresentou problemas no freio. O Mais Goiás entrou em contato com prefeitura de Damolândia, responsável pelo ônibus, mas eles não vão se pronunciar no momento.

Acidente

As vítimas do ônibus foram transportadas pelo Corpo de Bombeiros e pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para hospitais de Nerópolis. De acordo com o Corpo de Bombeiros, cinco pessoas foram socorridas, sendo quatro homens – entre eles, o motorista – e uma mulher. De acordo com a corporação, uma das vítimas identificada como Adonias Fernandes, não resistiu aos ferimentos e morreu na unidade de saúde.

Segundo informações do tenente Gustavo Pereira, do Corpo de Bombeiros, um outro acidente que teria acontecido mais cedo envolvendo um carro de passeio possa ter provocado o acidente com ônibus. Segundo ele, o carro teria batido nas placas de sinalização que mostrava que a via estava interditada. O motorista do ônibus, quando passou pelo local, não percebeu a interdição e caiu dentro de uma vala que está sendo preparada para colocação de um bueiro. O trabalho da perícia vai apurar a causa do acidente.

Ainda de acordo com o Corpo de Bombeiros, nenhuma ocorrência foi registrada para atender o acidente com o carro de passeio. Quando a equipe chegou no local para socorrer as vítimas do transporte escolar, o carro estava no canteiro da rodovia, sem o motorista.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.