Real Cores

Relatório final da CEI da Saúde vai pedir indiciamento de mais de 30 pessoas.


O relatório da Comissão Especial de Inquérito (CEI) da Saúde vai pedir indiciamento de mais de 30 pessoas. O parecer do relator Elias Vaz (PSB) será apresentado nesta segunda-feira (14/5), às 14h30, na Sala de Comissões da Câmara Municipal de Goiânia e votado na segunda-feira da semana que vem (21/5).

Informações preliminares dão conta ainda de que o parecer conterá mais de 20 sugestões para melhorar a saúde municipal.

Quanto ao teor do parecer, Elias Vaz também adiantou que pedirá o afastamento da secretária de Saúde de Goiânia, Fátima Mrué, e que o prefeito Iris Rezende (MDB) pode ser citado por omissão. “A má gestão causou mais um prejuízo ao Município, que acaba de perder mais de R$3 milhões por ano de verbas federais destinadas ao Samu. Esse é apenas um dos problemas que a incompetência administrativa dessa secretária tem causado a Goiânia e vamos apontar todos no relatório, cobrando a devida punição. O prefeito tem conhecimento de todos os problemas e não toma medidas para reverter a situação, por isso, também pode ser citado no relatório”, afirmou na semana passada.

Em funcionamento desde de outubro do ano passado, a comissão apurou diversas denúncias de irregularidades na saúde municipal, como a situação dos leitos de UTI, a falta de atendimento odontológico, o pagamento de mestrado a duas servidoras da secretaria de Saúde e os contratos para exames de raio-x e manutenção de ambulâncias.

A secretária Fátima Mrué foi convocada a prestar depoimento sete vezes e compareceu em todas. Alguns fatos apurados pela CEI já foram repassados para o Ministério Público do Estado de Goiás (MP-GO), que já entrou com dois pedidos para afastar a secretária do cargo, mas ambos foram negados pela Justiça.

Além disso, a Polícia Civil, por meio da Delegacia de Investigação de Homicídios (DIH), apura casos de pessoas que morreram por falta de encaminhamento para UTI, quando existem indícios de que existiam leitos ociosos em Goiânia.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.