Real Cores

López Obrador anuncia corte de 60% no próprio salário


O presidente eleito do México, Andrés Manuel López Obrador, informou que, em dezembro, quando assume o cargo, vai cortar o próprio salário em 60% do valor recebido pelo atual comandante da nação, Enrique Peña Nieto. Meu salário mensal será de 108 mil pesos (aproximadamente R$ 22 mil), ou seja, vou ganhar 40% do que Enrique Peña Nieto, que recebe 270 mil pesos (cerca de R$ 55 mil)", disse ele, segundo relato do Uol.
Obrador queria reduzir ainda mais seu vencimento, mas disse não querer causar mal-estar entre os futuros membros da sua equipe de governo. O corte salarial é parte do plano de austeridade com o qual o presidente eleito busca reduzir os custos da burocracia do Estado mexicano, uma de suas principais propostas de campanha.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.