Real Cores

Militantes do PT iniciam greve de fome e entregam manifesto ao STF por Lula Livre


Começou na tarde de ontem terça-feira (31), em frente ao Supremo Tribunal Federal, em Brasília, a greve de fome de seis militantes de movimentos sociais em defesa da libertação do ex-presidente Lula, preso político há mais de 100 dias em Curitiba.
Os militantes protocolaram junto ao Supremo um manifesto em que anunciam o início "desse gesto extremo de luta", por tempo indeterminado, por conta da "situação extrema na qual se encontra a Nação". "O que motiva nossa decisão é o sofrimento dos brasileiros e brasileiras".
"Nossa determinação nasce também pelo fato de que o Poder Judiciário viola a Constituição e impede o povo de escolher pelo voto, soberanamente, o seu presidente e o futuro do País", diz ainda o manifesto. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.