Real Cores

IMPUNIDADE: MÉDICO WESLEY MURAKAMI ACUSADO DE DEFORMAR ROSTO DE 30 PACIENTES É SOLTO.


O médico Wesley Murakami, acusado de deformar o rosto de dezenas de pacientes, que já teve o registro suspenso, saiu da cadeia um mês após ser preso, em 21 de dezembro. 

A prisão temporária do suspeito venceu no último dia 17. A Polícia Civil não informou se houve indiciamento nem se as vítimas ainda recebem ameaças.



“Nesse período [em que ele esteve preso], mais duas vítimas compareceram. Caso haja alguma possibilidade de coação, por parte do médico, uma nova prisão pode ser decretada pela Justiça”, informou a corporação, ao G1, que não conseguiu contato com a defesa dele.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.